uol

Japão apostou alto e perdeu: Tóquio-2020 é a Olimpíada mais cara da história

Por Juliana Sayuri
De Tóquio (Japão)
(Para Uol Esporte – 7/8/2021)

É difícil cravar números absolutos para traduzir a dimensão dos impactos econômicos das Olimpíadas para o Japão, mas é certo dizer que a casa apostou alto. E saiu perdendo.

Quando foi escolhida para sediar a 32ª edição dos Jogos Olímpicos, Tóquio construiu arenas do zero, repaginou estádios e fez obras e mais obras para oferecer a atletas e torcedores infraestrutura impecável. O custo inicial ficou na casa de US$ 7,3 bilhões (cerca de R$ 38 bilhões no câmbio atual).

Com o adiamento provocado pela pandemia de covid-19, a cidade-anfitriã transformou seus Jogos na Olimpíada mais cara da história. O orçamento divulgado pelo comitê organizador saltou para US$ 15,4 bilhões, drenados, por exemplo, para renegociar contratos firmados para 2020 postergados para 2021 e adaptações para garantir protocolos de segurança e saúde impostos pela pandemia. Extraoficialmente, especialistas consideram que o valor final ultrapasse US$ 26,3 bilhões. […]

FOTO: SHINNOSUKE ANDO/UNSPLASH

Comments:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s