nexo

A busca por precisão em verbetes de história na Wikipédia

Por Juliana Sayuri
De Toyohashi (Japão)
(Nexo – 7/10/2020)

“Antiquário (do latim antiquarius, aquele que gosta de antiguidades)”, diz a Wikipédia, “pode designar tanto um entusiasta, admirador ou comerciante de coisas antigas, quanto um estudioso que se dedica à investigação sobre as antiguidades, isto é, todo tipo de evidência material ligada ao passado”.

“Antiquário” é um dos poucos verbetes destacados pela Wikipédia. Dos 1.044.144 artigos publicados na enciclopédia digital em língua portuguesa, apenas 1.211 (cerca de 0,11%) são considerados de excelência, a partir de critérios como estrutura, neutralidade, precisão, referências e verificabilidade da informação.

Esse é um dos verbetes desenvolvidos pelo projeto Teoria da História na Wikipédia, iniciado em 2018, no Núcleo de Estudos em Políticas da Escrita da Memória e da Imagem da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina), sob coordenação dos professores Rodrigo Bonaldo e Flávia Varella. […]

IMAGEM: REP

Comments:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s