uol

MPT vai investigar vagas de ‘voluntariado’ em hostels de Santa Catarina

Hostels em SC dão trabalho por comida e hospedagem, mas pode ser ilegal

Por Juliana Sayuri 
De Florianópolis 
(Para Uol – 9/2/2019)

Procura-se voluntário para trabalhar 25 horas semanais nas instalações de um hostel na Rua 2.500, a poucos passos do mar de Balneário Camboriú (SC), entre fevereiro e abril. Pagamento: um leito num beliche
e café da manhã.

Procura-se viajante para trabalhar 32 horas semanais num albergue entre as badaladas praias de Canasvieiras e Jurerê Internacional, no norte de Florianópolis (SC). Atribuições: ajudar na limpeza, arrumar quartos, atender hóspedes e organizar festas. “Recompensas” incluem uma cama num quarto compartilhado (que custaria R$ 75 a diária), café, lavanderia, uma bicicleta disponível para empréstimo e um dia livre por semana “para você curtir, explorar e descansar”.

Outro hostel, na praia do Campeche, no sul da capital catarinense, pede 30 horas semanais de trabalho e oferece “uma barraca confortável para dormir sob um céu estrelado”. […]

373

Comments:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s