aliás – estado

A hora dos 99%?

Por Juliana Sayuri
De São Paulo

(Para O Estado de S. Paulo – 1/2/2015)

Era setembro de 2011 quando o antropólogo americano David Graeber se tornou a primeira voz a bradar “we are the 99%”. De lá pra cá, o grito de guerra repercutiu mundo afora, de Nova York a Madrid, de Reykjavik a Atenas. Autor de The Utopia of Rules (2015) e The Democracy Project (2013), entre outros, Graeber, de 53 anos, foi uma das principais inspirações teóricas para o Occupy Wall Street, movimento que conquistou páginas e mais páginas de uma história do tempo presente marcada, desde 2008, por uma crise financeira internacional. Atualmente professor da prestigiada London School of Economics, o intelectual provocador se considera um anarquista: “Não há esperança no sistema político. Não é nada mais que um sistema de suborno institucionalizado”, critica.

Era janeiro de 2015 quando o líder opositor grego Alexis Tsipras, de 40 anos, se tornou o primeiro governante europeu eleito com a promessa de peitar as políticas de austeridade predominantes. Se uns tremeram com a vitória da extrema esquerda na Grécia, outros vibraram com a conquista olímpica. “Em última instância, o plano do Syriza não é simplesmente amortizar a dívida, mas iniciar um processo de reconstrução da arquitetura econômica da própria UE”, analisa o antropólogo. […]

Comments:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s