aliás – estado

Paradoxo galego

Pai do músico Manu Chao, Ramón conheceu Gabo, Cortázar e não teme os mortos: ‘gente pacífica’

Por Juliana Sayuri
De Paris

(Para O Estado de S. Paulo – 26/10/2014)

252.jpg

Toca a campainha. Entra um senhorzinho a passos pequenos, chaves penduradas no pescoço, livros a tiracolo, barba feita, fios brancos, óculos quadrados, quepe preto e pulôver azul-marinho por cima da camisa e da camiseta. Tossia, talvez pelas lufadas deste outono parisiense. À primeira vista, difícil imaginá-lo um insurgente, rebelde, subversivo – fora pelas sobrancelhas grossas e grisalhas, com ares “indomáveis”.

Hoje, Ramón Chao conta 79 anos, 22 livros e 22 tatuagens inspiradas nos próprios livros. Nascido na cidadezinha galega de Vilalba, o escritor vive em Paris desde 1949. Repórter por mais de 40 anos na seção cultural hispânica da Radio France Internationale, foi testemunha privilegiada do boom da literatura latino-americana nas décadas de 1960 e 70, caçando palavras com seu gravador das antigas – uma saudosa parafernália. Não frequentou as pomposas rodas intelectuais francesas da época, de Sartre e Merleau-Ponty, pois o que realmente lhe fisgava as atenções eram os escritores latino-americanos. Tornou-se assim muito amigo de Alejo Carpentier, Gabriel García Márquez, Jorge Luis Borges, Julio Cortázar e Juan Carlos Onetti. “Mas mira, nem todo mundo gostava da ideia do boom, muita gente via como invencionice publicitária da agente literária espanhola Carmen Balcells – que lançou García Márquez e Vargas Llosa, entre outros. Alejo, por exemplo, não queria ser mais um autor dessa corrente. Só queria ser Alejo”, lembra Chao. […]

Comments:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s